Cursos do Pichel 2015/16

11 de Setembro de 2015

INFORMAÇOM DOS CURSOS 2015-2016!

A associaçom cultural a Gentalha do Pichel é um projeto autogerido, que se sustenta a partir do trabalho, ativismo e achegas económicas das pessoas associadas.

Os cursos, além de serem um espaço de convívio e aprendizagem, som umha ajuda económica para manter o centro social, por isto pedimos o teu compromisso à hora de fazer o pagamento no início de cada mês.

Sem matrícula. Depósito dumha mensalidade a maiores a começo do curso que será devolta no caso de avisar com um mês de antecedência da baixa do curso. O pessoal que fique até o fim do curso nom terá que pagar o último mês graças a este depósito.

Preço por mês. Desconto de 2€ no preço do curso para pessoas associadas, desempregadas (deve acreditar-se) ou que frequentem mais dum curso.

Mínimo de inscriçons para um curso começar: 3/4pessoas.

Com inscriçom prévia em gentalha@gentalha.org

Dúvidas e esclarecimentos em gentalha@gentalha.org ou no 698142936 (de 19h a 22h)

 pa cursos

DE MANHÁ

  • Canto e Pandeireta. Iniciaçom

Segundas-feiras de 12h30 a 13h30.  Começo  de 5 outubro. Preço 16€

As aulas de pandeireta e canto virám da mao de Carme Iglesias, integrante das Pandeireteiras Bouba, da Pontragha. As pessoas velhas da comarca, de quem aprendeu a música, estám presentes no seu modo de tocar e ensinar. De Tordoia portas para fora… Começa a rota da pandeireta!

 

  • Hatha Ioga.

Terças e quintas feiras de 09h a 10h15. Preço 30€. Começo 15 de outubro. Haverá possibilidade de consensuar horário. Também de assistir a umha aula por semana (20€) ou aulas soltas ao mês (6€ por aula).

O hatha ioga é o ioga da persistência. A integraçom de duos opostos numha uniom completa. Exercita o teu corpo ganhando flexibilidade em cada asana (postura) e diminui o teu stress mediante exercícios de pranayama (respiraçons).
Goça das relaxaçons guiadas e das técnicas de meditaçom para lograr um maior controlo mental.
A professora será Estefania, iniciada já na prática fai oito anos por Sanatana Dharma (Astúrias). Necesário trazer esteira e mantinha.

 

  • Gaita

Quartas-feiras de 10h30 a 11h30.  Começo 7 de outubro.
Preço 20€. Número mínimo de participantes: 4 pessoas.

No curso fará-se umha aproximaçom à técnica do instrumento e aprenderemos algumhas peças. O curso irá da iniciaçom ao aperfeiçoamento, trabalhando ouvido, afinaçom e linguagem musical, com as noçons básicas de teoria e leitura aplicadas à prática da música tradicional. O professor será David Canto, gaiteiro iniciado na música tradicional na comarca da Marinha, para depois receber formaçom em gaita, percussom e requinta e flautas travessas em aCentral Folque e no Conservatório, do que posue o Grao Professional em Gaita Galega. Tocou com ”Acibreira” , ”Quarteto da Gentalha”, “Arrueiro” e “Do Fondo do Peto”, além de colaborar nos últimos discos de Os Cempés e Kepa Junquera.

 

  • Tamboril

Quartas-feiras de 10h30 a 11h30.  Começo 7 de outubro.
Preço 20€. Número mínimo de participantes: 4 pessoas.

Neste curso praticará-se a técnica de tamboril tradicional (agarre das baquetas, batido e redobre, acentuado, etc), para a sua aplicaçom nos ritmos empregados na música tradicional galega. Fará-se um achegamento que permita a interpretaçom dum repertório variado  e desenvolver-se no acompanhamento da melodia. O professor será David Canto.

 

  • Iniciaçom à dança tradicional

Quartas-feiras de 11h30 a 12h30. Começo 7 de outubro. Preço 15€. Número mínimo de participantes: 6 pessoas.

Neste curso aprenderemos pontos de diferentes zonas da Galiza para podermos participar ativamente em festas e foliadas. Será com Fuensanta Nieto, vizinha de Compostela, que bailou em diferentes agrupaçons folclóricas da comarca. Também fijo algum trabalho de campo por diferentes lugares da Galiza para aprender, de primeira mao, as diferentes maneiras de bailar dos e das nossas velhas.

 

  • Dança tradicional. Intermédio

Quartas-feiras de 12h a 13h. Começo  de 7 outubro. Preço 15€. Número mínimo de participantes: 6 pessoas.

Se passaste por iniciaçom e queres continuar a aprender pontos para divertir-te nas foliadas este é o teu curso. A profe será Fuensanta Nieto.

 

À TARDE

  • Dança tradicional para quem nom sabe nada

Quartas-feiras de 20h a 21h.  Começo 7 de outubro. Preço 15€.

Ensinada por Chus Caramés, que há décadas que anda no baile galego. Começa de mui novinha na agrupaçom folclórica da sua terra natal e a dia de hoje continua aprendendo da man das nosas pessoas velhas e em festas e foliadas. Além de bailadora e pandeireteira, é a organizadora dum evento muito importante para a música tradicional do país, “os Encontros de Música Tradicional de Carvoeiro”.

 

  • Dança tradicional para quem sabe um chisco

Terça-feiras de 20h30 a 21h30. Começo 14 de outubro. Preço 15€

Se já foste um aninho a dança é mais ou menos lembras o básico, este é o teu curso! Aqui afiançarás o aprendido e darás umha volta para continuares a desfrutar das festas e foliadas. Quem te ajudará é umha rapariga que sabe disso. Carme Campo aprendeu os primeiros pontos no Porrinho, aperfeiçoou-nos num grupo de Compostela e agora mantém-se aprendendo no dia a dia, em seráns e festivais de música tradicional.

 

  • Dança tradicional para quem sabe um chisco mais

Segundas-feiras de 22h a 23h. Começo de 5 de outubro. Preço 15€

Com Fuensanta Nieto aprenderemos alguns bailes de diferentes zonas para podermos continuar a participar ativamente em festas e foliadas, além de aperfeiçoar as técnicas do baile que já temos aprendidas doutros anos.

 

  • Pandeireta Iniciaçom e Aperfeiçoamento

Quartas-feiras. Iniciaçom de 19h a 20h. Começo 7 de outubro. Preço 14€. Duraçom até junho.

Quartas- feiras. Aperfeiçoamento de 20h a 21h. Começo 7 de outubro. Preço 14€. Duraçom até dezembro. Em Janeiro formaremos um grupo de gaitas e percussom com aulas concretas para isto com a gente de aperfeiçoamento que quiger participar.

Nas aulas aprenderemos a tocar os ritmos básicos da música tradicional galega, centrando-nos na técnica e no acompanhamento a outros instrumentos. Aitana Cuétara, a professora, está acompanhada pola música tradicional desde 1997. Começou sob a direçom do mestre Lolete, primeiro como gaiteira e logo já como percussionista, passando depois por outras agrupaçons e formando-se com diferentes músicos. Desde há treze anos leciona aulas regulares e cursos intensivos na Galiza e fóra.

 

  • Gaita

Quintas-feiras de 17h a 18h . Começo 1 de outubro. Preço 20€.

* Com David Canto. Ver informaçom nos cursos de Manhá.

 

  • Tamboril

Quintas-feiras de 18h a 19h. Começo  de 1 outubro. Preço 20€. Número mínimo de participantes: 4 pessoas.

* Com David Canto. Ver informaçom nos cursos de Manhá.

 

  • Acordeom diatónico e piano.

Quintas-feiras de 17h a 19h.  As aulas seram de 1 hora a escolher por cada aluna/o neste horário (ou de 17h a 18h, ou de 18h a 19h). Começo no 1 de outubro. Preço 22€.

Neste curso explicaram-se diversos elementos de técnica interpretativa e daram-se exercícios  práticos  adaptados ao nível e evoluçom de cada aluno/a. O repertório impartido centrará-se, fundamentalmente, em peças tradicionais galegas, fazendo ênfase nas próprias do acordeom e do canto, ainda que também se incluiram peças tradicionais doutras partes do mundo. A falta de instrumento ou de conhecimento musical nom é um impedimento para a assistência às aulas. O professor será Alberte Núñez Martínez quem se iniciou no mundo do acordeom da mao de Brais Maceiras depois de ter estudado piano no Conservatório Profissional de Música da Corunha. Assistiu a diversos encontros e cursinhos ofertados por grandes acordeonistas como Pedro Pascual, Cati Plana ou Xuan Nel Expósito. Toca nos grupos Sessión Vermú e Dúbida Duo e colaborou com Tiruleque ou os Tres Trebóns. Atualmente dá aulas de acordeom em diversas associaçons e intervêm em homenagens e concertos didáticos sobre o instrumento.

 

  • Música para peto. Harmónica e mais uns instrumentos miúdos.

Segundas-feiras de 18h45 a 19h45. Começo 5 de outubro. Preço 20€. Duraçom de outubro a dezembro.

Curso para todos os níveis sobre instrumentos que podem ser levados no peto, porque a música é o refúgio onde podermos agachar-nos contra o aborrecimento, a defesa da mediocridade. Curso para aprender/melhorar a tocar a harmónica em vários estilos (tradicional, folque, popular, blues…) e liçons para outros instrumentos: tarranholas, harpas de boca, assobios, colheres… O professor será Ariel Ninas (a.k.a. Mauro Sanín) músico polifacético associado à aCentral Folque, onde desenvolve a sua atividade profissional regular. Ainda que pouca gente o sabe, a harmónica é o seu primeiro instrumento, que toca desde os 14 anos e tivo em Marcos Coll (Reyes el K.O.) o seu professor. Como sanfonista, é membro da OMEGA (Orquestra de Música Espontánea da Galiza) e Ulobit (multimedia experimental).

 

  • Canto e Pandeireta.

Intermédio: segundas-feiras de 19h45 a 20h45. Começo 5 de outubro. Preço 16€

Avançado: segundas-feiras de 21h a 22h. Começo 5 de outubro. Preço 16€

As aulas de pandeireta e canto virám da mao de Carme Iglesias, integrante das Pandeireteiras Bouba, da Pontragha. As pessoas velhas da comarca, de quem aprendeu a música, estám presentes no seu modo de tocar e ensinar. Desde Tordoia portas para fora… Começa a rota da pandeireta!

 

  • Percussom Doméstica

Segundas- feiras de  21h a 22h. Começo 5 de Outubro. Preço 20€. Duraçom de 3meses.

No curso faremos um percurso polas músicas tradicionais da península ibérica, de Europa do leste e de América do sul, vendo que os instrumentos domésticos som um óptimo veículo para a aprendizagem musical de técnicas tradicionais e modernas.

Para realizar o obradoiro é recomendável trazer instrumentos domésticos como culheres, tijola, dedais de costura, caldeiro, táboas de lavar, sachos, latas, almirez ou morteiro ,… Também se podem trazer outros instrumentos de percusión tradicional para usar como base rítmica nalgumhas partes do obradoiro. Carlos Martínez leva desde 2003 até a atualidade percorrendo grande parte da península e Europa como percusionista de “Pan de Capazo”. No ano 2009 forma em Compostela a Fanfarria Taquikardia, grupo de referencia na animaçom de rua galega. Durante vários anos percorre a geografia galega como membro do grupo de percussom tradicional “PelePau”. Na atualidade o seu trabalho musical está em “Pan de Capazo”, “Os Calandracas” e o desenvolvemento das percussons domésticas, os bombos e os pandeiros de diferentes culturas do mundo.

 

  • Guitarra.

Nível I: terças-feiras de 19h a 20h . Nível II de 20h a 21h. Começo 6 de outubro. Preço: 25€.

Som ideais quer para gente que começa do zero, quer para quem já tem um nível intermédio. Nelas, trabalharam-se harmonia e técnica de forma conjunta, a un nível mui básico. A ideia é fazer aulas engraçadas onde a criatividade e a improvisaçom tenham um papel importante. Tocaram-se temas de diversos estilos (blues, rock, country, reggae, funk) e temas que proponha o próprio alunado, se a complexidade do tema o permite. O professor será Benjamín Vázquez, professor em educaçom musical e atual guitarrista de The Lákazans.

 

  • Tea & Sympathy: Clube de conversa em inglês

Terças-feiras: Nível Intermédio I de 19h a 20h; Nível Intermédio II de 20h a 21h. Começo o 6 de outubro. Grupos de 6/7 pessoas máx. Preço 20€.

Quintas-feiras: Nível Aperfeiçoamento I de 19h15 a 20h15; Nível Aperfeiçoamento II de 20h a 21h. Começo o 1 de outubro. Grupos de 6/7 pessoas máx. Preço 20€.

Falaremos muito. Beberemos chá. E tentaremos rir-nos muito! Coordenado por Afonso Barata, professor de língua inglesa.

 

  • Português

Nivel Básico. Segundas-feiras de 20h30 a 21h30.  Começo 5 de outubro.

Nivel Avançado. Quintas-feiras de 20h30 a 21h30. Começo 1 de outubro.

Preço 14€. Duraçom de 4 meses

Com cerca de 272,9 milhons de falantes, o português é a quinta língua mais falada no mundo. Neste curso vamos aprender aqueles conteúdos gramaticais, socioculturais e lexicais que nos ajudem a comunicar com oito países lusófonos, mas sempre tendo em conta que sermos galegas é uma entrada que favorece o acesso ao mundo em português.

Carmen Saborido é uma padronesa licenciada em Filologia pela USC. Completou estudos de língua e cultura portuguesas em Lisboa. Trabalhou como tradutora, corretora ortográfica, livreira e gestora de conteúdos. Hoje é professora no ensino secundário, onde dá aulas de português a adolescentes.

 

  • Língua e cultura catalá

Quintas-feiras de 20h30 a 21h30. Começo 1 de outubro. Preço 20€. Duraçom de 3 meses. Após os três meses começará um segundo nível.

O curso de língua e cultura catalás está dirigido a pessoas que queiram adquirir as ferramentas lingüísticas básicas para entenderem textos escritos e orais em catalám, de jeito que desenvolvam as habilidades comunicativas para poderem passar da compreensom da língua ao seu uso activo. Além disso, quer ofertar umha aproximaçom à realidade social da língua catalá (extensom territorial, distintos graus de oficialidade, situaçom sociolingüística…) e à cultura que se gerou no seu território. O professor será Eduard del Castillo Velasco, licenciado em Filologia Catalá e Filologia Galega pola Universitat de Barcelona. Interessado especialmente nas relaçons entre os Países Catalans e a Galiza, dedicou-se à docência da língua catalá e da língua galega e tamém à traduçom literária entre estas duas culturas.

 

  • Criaçom literária

Segundas-feiras de 19h15 a 20h15. Começo 5 de outubro.  Preço 22€

Este obradoiro pretende que todas as pessoas perdam o medo à folha em branco, que canalizem através da escrita as suas emoçons, sensaçons, pensamento, a vida… em todos os formatos: relato, conto, poesia, teatro, banda desenhada, novela (de todas as épocas desde a clássica até a atualidade).

As aulas seram fundamentalmente práticas, estudaremos os textos desde todas as perspetivas: voz, história, personagens, tempo, conteúdo… realizando exercícios de literatura comparada e debatendo entre todas as pessoas do grupo a diversidade de horizonte de expetativas que apresenta um mesmo relato para as suas leitoras e leitores. Além disto, mergulharemo-nos na perspetiva de género, examinando os polos negativos e positivos que cada relato nos ofereça. É importantíssimo abordar a perspetiva de género para nom cair em tópicos e estereótipos. Entre mais cousas, estaremos ao dia das novidades editoriais ou contaremos com a presença dalgumha autora ou autor que estudemos.

A professora será Mónica Places Torrado, licenciada em Filologia Románica, Galega e Hispánica. Trabalhei no ILG, na editora IR Indo, colaborei com as editoras Cumio, Kalandraca e Xerais. Em Ir indo comecei nos obradoiros de escrita, estudando os recursos dos relatos infantís e posteriormente, conto, novela, poesia e teatro. Levo mais de quatro anos a lecionareste obradoiro por diferentes associaçons e livrarias na comarca compostelana com grande sucesso, pois todos os anos, as pessoas participantes ganham vários prémios em relaçom com a escrita.

 

  • O amor nom é como no-lo contarom. Desconstruindo as bases do amor romántico e adquisiçom de ferramentas para melhorar a nossa autoestima.

Sextas-feiras de 17 a 19h. Começo 9 de outubro. Preço 22€. Possibilidade de troco/custe reducido em duas vagas (para mais info consultar em gentalha@gentalha.org) Número mínimo: 8 pessoas. Só para mulheres. Duraçom 3 meses.

Através deste obradoiro tomaremos consciência de como, desde os roles de gênero, as mulheres costumamos situar-nos numha posiçom de subordinaçom nas relaçons afetivas. Analisaremos como é que acontecem algumhas dessas subordinaçons (autopostergaçons, altruísmos, servilismos, cessons, renúncias…) e buscaremos ferramentas que nos ajudem a situar o centro da nossa vida e do nosso amor em nós próprias.

Este é um curso pensado para todas aquelas mulheres que queiram dar um passo à frente nas suas vidas e construir vínculos afetivos mais livres, igualitários e cuidados. O obradoiro terá lugar num ambiente de segurança e bom trato. María Rosendo é filóloga, educadora social e posui um mestrado de gênero. O seu trabalho neste campo está centrado na promoçom da saúde e a autoestima das mulheres através do trabalho grupal. Também tem trabalhado autoestima e gênero com grupos de adolescentes. Decidiu aprofundar na construçom do Amor Romántico e na ética dos cuidados na procura de relaçons afetivas mais igualitárias e livres. Continua a aprender no dia a dia.

 

  • Melhorar o meio ambiente é aforrar na carteira! Medidas de eficiência ambiental para o dia a dia.

Quartas-feiras de 19h30-20h30| Começo no 7 de outubro |Preço: 15€.  Número mínimo de participantes: 5. Duraçom até dezembro.

Neste curso faremos umha achega aos problemas ambientais globais e, em particular, aos da Galiza. Trataremos de dar conselhos práticos para poupar auga, energia e mais recursos na casa ou no trabalho e tentaremos solucionar as dúvidas e equívocos que levades tempo querendo resolver. Estará a cargo dele Joana Martins, engenheira ambiental com experiencia na consultoria e formaçom no ámbito do câmbio climático e da gestom ambiental das organizaçons, trabalhando para pemes e profissionais do sector.

 

  • Ponto e tricô. Fai-no tu mesm@!

Quintas feiras de 19h30 a 20h30. Começo no 1 de outubro. Preço 14€

O obradoiro para aprender a tricotar vai dirigido a pessoas que tenham vontade de aprender as técnicas básicas de confeiçom de peças para se proteger do frio. Começaremos adquirindo habilidade com as agulhas enquanto aprendemos pontos mais elaborados e poremo-los em prática num cachecol, um gorro (ou boné) e um jérsei. Na aula também elaboraremos entre todas e todos um vocabulário na nossa língua para todas estas técnicas tam conhecidas mais que precisam de ser normalizadas em galego. A professora, Sílvia Pons é umha amante da técnica e da sua tradiçom e leva quase umha decada fazendo peças de vestir e transmitindo o seu conhecimento.

Duraçom de 3 trimestres (1 por cada peça. Cachecol/boné/jérsei) Podem ser independentes um doutro com o domínio básico da técnica.

 

  • Capoeira  Angola

Segundas-feiras de 19h30 a 21h. Começo no 4 de outubro. Preço 22€. Participantes sem limite de idades: para mulheres, homens e crianças.

Nestas aulas trabalhara-se de uma forma lúdica a movimentaçao da Capoeira Angola. Também a sua parte instrumental onde entram os cantos da capoeira e os seus instrumentos: o berimbau. As participantes poderam assim conhecer a cultura afro-brasileira desde umha brincadeira com o corpo e sua movimentaçao (dança e luta), a sua história, a sua música, os seus diálogos corporais e de improvisaçom.

A professora é Cristina que pratica a arte da Capoeira  Angola desde o ano 1999. Morou no Brasil, na cidade de Salvador de Bahia durante 10 anos, onde praticou capoeira Angola, dentro do grupo de capoeira Angola Zimba. Desde o ano 2009, passou a morar em Compostela onde formou a Associação de Capoeira Angola, com a qual vem trabalhando na preservaçom da originalidade e filosofia da Capoeira Angola através do ensino pratico da mesma. Por tanto, os participantes teram a oportunidade de entrar em contato e desfrutar aprendendo esta pratica de manifestaçom cultural brasileira. Deu aulas de Capoeira em distintos centros socioculturais da cidade, escolas da Galiza e participou na organizaçom dos encontros internacionais de Capoeira Angola em Compostela.

 

  • Pilates

Terças e quintas-feiras de 19h15 a 20h15. Começo no 1 de outubro. Preço 20€. Máximo de 12 alunos/as. Necesário trazer esteira.

O objetivo destas aulas é o de lograr um controlo preciso do corpo da maneira mais saudável e eficiente possível, é dizer, conseguir o equilíbrio muscular reforçando os músculos fracos e alongando os mais curtos através dumha série de exercícios controlados. Isto levará-nos a conseguir umha maior força e flexibilidade respeitando sempre as articulaçons e as costas, evitando assim dores e corrigindo más posturas. Tomaremos consciência sobre a respiraçom e a concentraçom à hora de realizar os exercícios para a sua correta execuçom. Além disto, o método pilates permitirá-nos alcançar umha perfeita harmonia corpo e mente num espaço no que combinaremos exercício físico e relaxaçom. O professor será Diego Barreiro, titulado numha das mais importantes federaçons no Estado espanhol. É um entusiasta do pilates e continua a formar-se dia a dia nesta disciplina.

 

  • Teatro

1. Obradoiro de Iniciaçom Teatral e adestramento atoral: Quartas-feiras de 19h a 20h. Começo 7 de outubro. Preço 20€

A partir da leitura e discusom de textos dramáticos, a improvisaçom e a montagem de cenas, trabalharam-se neste curso os objetivos de conhecer e utilizar os elementos de expressom corporal, conhecer e desenvolver a dicotomia gesto/palavra, de desenvolver capacidades miméticas, de distinguir ritmo e dinámica de movimento ou de utilizar o corpo como meio de expressom teatral entre outras.

2. Grupo de Teatro do Pichel: Terças-feiras de 21h30 a 23h. Começo 6 de outubro. Preço por confirmar.

Neste obradoiro pretendemos investigar, através dos vários níveis de expressom que oferece o Teatro, o interior e o arredor de cada pessoa que conforme o grupo, assim como a interacçom do mesmo grupo, concluindo com umha representaçom cénica. Trabalharemos basicamente cinco vertentes: a expressom (oral e corporal), a imaginaçom e a criatividade, a comunicaçom, o autoconhecimento e a abordagem cultural. Salientar o carácter lúdico e de dinamizaçom social que implica a prática teatral.

Zé Paredes, o professor, é ator e diretor de cena dedica-se à atividade profissional do teatro desde o ano 1996. Iniciou a sua formaçom no Porto, no Ballet-Teatro Escola Profissional. Em 2001 estabelece a sua relaçom com o teatro galego, através dumha coproduçom entre o Teatro do Noroeste, a Companhia de Teatro de Braga e o Centro Dramático Galego. Vive na Galiza desde 2002, tendo sido coordenador da Aula de Teatro da Universidade da Corunha e junto com Mónica Camaño cria o projeto Teatro Nu.

  • Fotografia I

Terças-feiras de 21h a 22h. Começo o 6 de outubro. Preço 17 euros. Duraçom de 3 meses (Após estes 3 meses começará com o mesmo horário o curso de Fotografia II). Número mínimo de participantes: 5 pessoas.

Mediante o curso pretende-se que o alunado tire o máximo proveito das suas cámaras, quer sejam compactas quer reflex, treinando o uso de todas as suas funcionalidades assim como aprendendo os fundamentos básicos da fotografia, para desenvolver as suas potencialidades artísticas. Além disso, comentaremos os referentes históricos e artísticos necessários para compreender a importáncia histórica da fotografia na nossa sociedade e faremos umha breve introduçom a algumhas das mais importantes disciplinas fotográficas. O professor será Toxa, fotógrafo formado na EASD Ramón Falcón de Lugo e que exerce como profissional desde o ano 2010

E para crianças…. http://sementecompostela.com/