Com as nossas maos construímos saber popular!

De 9 a 18 de julho, programamos diferentes cursos onde dúzias de pessoas partilharám saberes, experiências e reflexons. 

Se queres participar na Universidade Popular de verao deste ano, tés que  inscrever-te no mail cursos@gentalha.org até as 16h do dia anterior ao curso.

As vagas som limitadas, polo que é muito importante que anules a reserva se finalmente nom podes assistir.

Preço sócias por curso: 3’5€.  Abono todos os cursos: 10€ 
Nom sócias, por curso: 4€. Abono todos os cursos 12€
Preço solidário: 5€: curso / 15€: bono

LEMBRA: INSCRIÇOM OBRIGATÓRIA em cursos@gentalha.org até as 16h do dia anterior ao curso. Vagas limitadas!

Todos os cursos serám no Centro Social O Pichel (Santa Clara, 21) agás os que tenham outra indicaçom na descriçom.

TERÇA-FEIRA, 9 DE JULHO

Meditaçom e criatividade intuitiva. De 18h a 20h com Mónica Gago.
Um convite a escuitar, abrir-nos ao corpo e contactar com as fontes da expressom intuitiva, que brota em forma de palavra, gesto ou traço …


Rondalhas de Natal no suroeste de Galiza. De 20h a 21h30 com Irene Anta.

Neste obradoiro teórico-práctico saberás mais sobre este fenômeno cultural tam extendido polo suroeste da Galiza. Que som, desde quando ou para que se fam som temas dos que nos falará a diretora da Rondalha do Círculo Cultural e Deportivo Santa Eulalia de Mos. Ademais, tocaremos instrumentos e experimentaremos o que é ser parte dumha rondalha.

QUARTA-FEIRA, 10 DE JULHO

Iniciaçom ao Balfolk. De 17h30 a 19h com Rubén Ramudo. 
O Balfolk  é um género de música com alicerces na música e na dança tradicionais europeias e caracteriza-se por umha abertura à inovaçom, à interpretaçom individual e à fusom com outros estilos. Também nomeia o evento onde um grupo de pessoas se junta para bailar danças deste gênero sem buscar umha recreaçom dum determinado folclore, mas polo prazer de dançar em si mesmo.

Agroeco-roteiro picheleiro. De 18h30 a 20h com o SLG (Sindicato Labrego Galego). *Ponto de encontro: Praça Roxa.
Neste roteiro agroecológico conheceremos espaços onde a agroecologia e os alimentos sanos, locais e naturais som as verdadeiras protagonistas. Conheceremos a tenda da Cesta da Saúde, as Hortas Urbanas das Branhas do Sar, o restaurante A Alacena de Cris e a tenda das Cabaciñas. Porque consumir alimentos sanos e a agroecologia também é um acto político!

Anxerís. Passos d’aquí e d’aló para um jeito próprio. De 19h a 20h com Carme da Pontragha.
Achegamo-nos ao baile solto de Anxerís. Bergantinhos ou montanha? O que parece extensom dos concelhos limítrofes leva-nos ao baile puro e único da paróquia mais ocidental do concelho de Tordoia.

Socialismo contra o cámbio climático. De 20h a 21h com Ricardo Castro.
Após três séculos de capitalismo infectando a Terra, o nosso planeta tem febre e corre o risco de morrer.O mesmo sistema que nos levou a esta situaçom promete inventar também a cura em forma de mais capitalismo, agora verde.  Mas é tam sequer possível este capitalismo verde? Durante umha hora tentará-se explicar qual é a situação a que se enfrenta o planeta, qual é o papel fundamental que tem o capital e quais som as possíveis alternativas que o socialismo pode dar para evitar que esta má febre acabe em morte matada.

Escolhas Éticas: O Guia Descomplicado do Boicote Inteligente. De 20h30 a 21h30 com a BDS Compostela
Neste curso, exploraremos a origem do movimento BDS e os impactos que um boicote direcionado pode ter sobre empresas e corporaçons envolvidas no genocídio, a expropriaçom, a segregaçom e a violência contra o povo palestino. Além disso, discutiremos as campanhas recentes conduzidas polo BDS Compostela e identificaremos os produtos e empresas que devem ser alvo das nossas escolhas éticas e políticas mais conscientes, assim como as açons que podemos realizar na nossa cidade para apoiar este movimento palestino.

QUINTA-FEIRA, 11 DE JULHO

Roteiro Matemático por Compostela. De 18h a 20h com  Pila García e Josecho Barca. *Ponto de encontro: C.S O Pichel.
Mas… que é um roteiro “matemático”? É necessário saber muito de matemáticas para poder fazê-lo? Nom é isso. A ideia é que, ao tempo que passeamos polas ruas e praças, poidamos encontrar elementos e propriedades matemáticas onde menos se espera. Deste jeito compreenderemos melhor a realidade, gozaremos da beleza que se pode gerar com um ajeitado emprego de formas e propriedades geométricas e treinaremos a nossa olhada para captar as relaçons matemáticas que às vezes se agocham nos objetos mais insuspeitados.

Percussom miúda 101. De 19h a 20h com Miguel Paz.
Por fim chega o curso no que aprender tudo o preciso para te defenderes com os instrumentos de percussom miúda mais comuns a nível planetário!

Costura de supervivência, dominando os três B. De 19h a 20h com Maca Rodríguez.
Apanhamos agulha e fio para adquirir conhecimentos básicos e nom depender de ninguém nos pequenos arranjos que precisarem as nossas roupas. Subir um Baixo, remendar Buracos de forma criativa ou coser e conhecer Botons e diferentes tipos de enganches som os tres Bs a dominar neste curso.
*Nível básico, para quem nom sabe. 
*Trazer agulha e fio.

A menopausa: mais umha etapa na vida das mulheres. De 20h15 a 21h30. Com Benigna Castro.
A menopausa é umha etapa em que se produzem vários câmbios: a nível fisiológico, psicológico, social e sexual. Neste curso compreenderemos mais sobre eles, visibilizando a necessidade de cuidar o corpo e rachar o tabu social desta fase vital .

O cinema de Alice Guy Blaché – umha revolucionária esquecida. De 21h30 a 23h com Vincen Moran.
Conhece a Alice Guy Blaché, a primeira mulher diretora que a história esqueceu. Veremos algum dos seus filmes para analisar e comentar o seu lugar na história do cinema.

SEXTA-FEIRA, 12 DE JULHO

Roteiro polos edifícios esvaziados de Compostela. De 18h a 19h30 com o Proxecto Cataventos.
*Punto de encontro: Casa do Matadoiro. Remate, praça do Toural.

Trata-se dum roteiro por umha seleçom de prédios da zona antiga da cidade que levam muito tempo sem uso. Ao nosso passo descubriremos que aconteceu com eles e debateremos sobre o problema que gera na cidade. Além disso, colaremos cartazes na fachada para chamar a atençom sobre eles. 

Roteiro emocional pola Rua de Abaixo dos 80. De 19h a 21h com Miguel Penas.
As cidades, e os seus bairros e ruas, funcionam como organismos vivos que se transformam e que mudam ao longo do tempo. O nosso bairro das Marias é um bom exemplo, nos últimos 40 anos transformou-se enormemente e ainda que a maioria dos prédios continuam a ser os mesmos, os seus usos transformaram a paisagem urbana atual. Acompanha-nos por uma viagem a outro tempo no que a vida na rua era muito diferente da que hoje conheces. Guiando Miguel Penas, criado na Rua de Abaixo dos 80 e sócio da Gentalha desde há vinte anos.

DOMINGO 14 DE JULHO

Património a pedais. Um passeio de proximidade. De 11h a 13h com Dio da Comissom de História. *Ponto de encontro: C.S. O Pichel.
A bicicleta é a ferramenta perfeita para que os nossos passeios na procura de bens patrimoniais sejam um pouco mais longos que se fossemos a andar. Nesta ediçom da Universidade Popular da Gentalha, a Comissom de História convida-vos a um relaxado passeio ciclista, apto para todas e todos, polo norte da cidade até os limites da área urbana e um chisquinho mais alá.

SEGUNDA-FEIRA 15 DE JULHO

Costura a máquina… Por onde começar?. De 18h a 20h com Sandra Francés.
Neste obradoiro aprenderás o que é umha máquina de coser, que partes tem e como se usa, adquirindo as noçons básicas para poder começar a criar ou reparar as tuas peças. Ademais, porás em prática o aprendido confecionando a tua própria fita para as chaves.
* Este curso tem o coste a maiores de 3€ por materiais.

Álcool? O normal… De 19h a 20h com Fran Pérez e Francisco Caamanho
Neste curso dous médicos falarám-nos da normalizaçom do consumo de álcool, do que nos diz a evidência científica a respeito das quantidades consideradas de alto risco em comparaçom com as consideradas “normais” pola maioria de nós, assim coma da forma na que criar ambientes que nom fomentem a alcoolizaçom.

Cozinha Mediterrânea. Duas receitas valencianas. De 19h a 20:30h com Inma Mayer
Neste curso ponhemos a pota ao lume para achegar-nos aos produtos chave da cozinha mediterrânea: berinjela, alcachofra, pimento… Um petisco do País Valencià através dos seus sabores.
*Este curso tem o coste a maiores de 5€ por materiais.

Estudantado vs. USC. Roteiro polo último meio século de luitas no seio da universidade. De 18h a 21h com várias participantes. Saída desde o C.S O Pichel.
Umha das disciplinas fundamentais para o pensamento científico é a estatística. E a estatística diz-nos que, se nom houvo década na que o reitorado da USC estivesse livre de conflitos com o estudantado, esta tampouco o estará. Por isso, a um matemático nom lhe devera colher de surpresa.
Antigas estudantes que viveram em primeira pessoa alguns dos conflitos mais destacados desde a década de 70 levaram-nos de passeio por diversos pontos da cidade onde alunado e/ou PAS deixárom de ser parte do decorado para passar a ser motor de mudanças.
*Recomenda-se calçado cómodo.

TERÇA-FEIRA, 16 DE JULHO

Para comer “a gusto”, conhece o Lusco e Fusco. De 18h30 a 19h30 com o SLG (Sindicato Labrego Galego). *Ponto de encontro: parque de estacionamento de Belvís
Visita guiada polos postos do espaço agroecológico do Lusco e Fusco em Belvís. A cidade de Compostela é das poucas nas que existe um mercado semanal em horário de tarde, que permite achegar alimentos agroecológicos e locais à cidadania. Visitaremos o mercado e conheceremos as labregas e labregos que lhe dam vida.

Diversom com bandeiras. De 18h a 20h30 com Maritxu Silva.
Imos fazer umha bandeira, algo com que nos identifiquemos, algo que pendurar na nossa janela ou no nosso quarto. Ante tanta negatividade queremos dar esperança e cor,e vamos cosê-la nós, porque coser num mundo em que todo está tam mercantilizado é um ato de rebeldia.
*Necessitas trazer máquina de coser e teias para bandeira galega, palestina ou do orgulho.

Iniciaçom ao futebol Gaélico de base. De 19h a 20h com Suévia Compostela Futebol Gaélico.
Mixto, popular e de base. A equipa compostelana da Suévia traz as normas e técnicas básicas para iniciar-te no futebol gaélico.
*Lugar por determinar.

Por que Ana come pam? De 20h a 21h30 com Gundar Da Pena.
Neste monográfico aprenderemos o mais básico relacionado com a linguagem musical rítmica da nossa música tradicional.  Mergulharemo-nos na teoria daquilo que muitas já sabedes na prática e para isso só necessitaredes vontade de aprender.

QUARTA-FEIRA 17 DE JULHO

A voltas com o pandeiro. De 17h a 18h com Uxia da Pontragha.
Obradoiro de introduçom ao pandeiro. Toques básicos para poder botar-lhe a mao em qualquer parranda e tocar umhas peças.

A comunicaçom com as pessoas velhas: falageria e outros jeitos de idadismo. De 18h a 19h. Com Luís Melián.
Num mundo avelhentado como o nosso, a correta comunicaçom com as pessoas velhas resulta fundamental, e mais no eido sociosanitário. Achega-te a este curso para aprendermos a identificar e tentarmos corrigir prejuízos e jeitos de discriminaçom cara as pessoas idosas com as que convivemos como som o idadismo ou a falageria.

Aula de Ioga. De 19h15 a 20h15 com Marta del Río.
Sessom de hatha ioga na que praticaremos técnicas de relaxaçom, um pouquinho de meditaçom e posturas físicas (ou asanas).

* Necessário levar unha esteira por pessoa.

Empregadas emancipadas: conversa sobre direitos laborais básicos.  De 19h a 21h com Iria Beiroa
Repassaremos em duas horas o básico sobre os direitos laborais, desde que fazer na entrevista de trabalho, que acontece quando já estamos trabalhando (contrato, horários…), a quem denuncio o que? nóminas, saúde, até chegar ao final de contrato… Umha breve conversa, para resolver essas dúvidas, que muitas vezes som mais produto da linguagem arrevesada que outra coisa.

QUINTA FEIRA 18 DE JULHO 

Mais além das espécies. Construindo desde o Activismo Anti Especista. De 18h a 19h30. Com AGA- Activistas Galegas Antiespecistas.
Através de actividades práticas e debates, exploraremos estratégias de activismo que se poidam incorporar à nossa vida quotidiana para promover e conscientizar sobre o bem estar de todos os seres sentintes.

Achegando luz aos conselhos de Ciberseguridade. De 19h30 a 20h30 com Santi Rodríguez. 
Deitaremos luz sobre os conselhos de ciberseguridade que se costumam dar às usuárias,falando das razons sobre por que se dam e vendo alguns exemplos e casos práticos do que pode suceder caso nom se sigam. Falaremos da infraestrutura que temos em casa e como poderia expor-se ou a formas possíveis nas que se poderia dar um incidente de seguridade.

Square Dancing, o baile tradicional dos Estados Unidos. De 20h a 21h com Vincen Moran
Umha aula sobre a história do baile e um pequeno obradoiro de como fazer pontos fáceis (por um gringo que nom é experto mas que o vai tentar).

Criaçom de contidos nas redes sociais: a profundidade do banal. De 20h30 a 21h30 com Konachadas.
Neste obradoiro, focado em Instagram e TikTok, exploraremos a nossa criatividade para aprender a criar conteúdo. Veremos a sua linguagem, os seus códigos, como chegar às pessoas adequadas e ferramentas de balde que nos podem ajudar. Mas, sobretudo, veremos muitos memes.
*Necessário trazer o telemóvel.

One thought on “Universidade popular de verao 2024

  1. María Frutos diz:

    Agardo a vosa resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


× three = twenty seven